Cultura organizacional para médicos: o que é e como aplicar?

A cultura organizacional é o conjunto de práticas, normas e valores utilizados pelo médico e gestor em seus processos de trabalho.

De forma simples, ela é a forma como a organização conduz seus negócios.

Como se dá o tratamento com seus clientes e parceiros, como é o seu relacionamento com sua equipe, o  grau de hierarquia existente nas operações, e outros fatores mais?

Tudo isto é respondido através da cultura organizacional.

Toda clínica tem um universo próprio. Ele é construída com hábitos, crenças, valores, atitudes, normas, linguagens.

Isto é bastante particular e determina o comportamento dos colaboradores.

Até mesmo normas simples do dia a dia do médico podem fazem parte da cultura organizacional.

A existência ou não de um dress code, por exemplo, é parte do conjunto de práticas que formam a essência da organização da clínica ou consultório também.

Pensar na sua cultura organizacional expõe um padrão existente nas empresas no que diz respeito ao desenvolvimento de suas atividades.

Como é a da sua clínica médica?

A cultura organizacional para médicos pode ser decisiva e transforma a sua a gestão.

Quer saber mais e como aplicar a cultura organizacional no seu consultório ou clínica médica?

Este conteúdo está cheio de dicas e para te ajudar a alcançar ótimos resultados a partir desta prática.

Vamos então nos aprofundar no assunto?

Boa leitura!

A cultura organizacional aplicada na prática

A cultura organizacional funciona como uma bússola.

Ela guia os processos, as decisões, ajuda na criação dos planejamentos e ações.

Além do mais, ela também diz respeito às pessoas que formam uma organização.

Por ser própria de cada clínica, a cultura organizacional serve também para distinguir uma organização das outras.

Portanto, como efeito de um bom alinhamento de expectativas e dos comportamentos de toda a equipe, a clínica como um todo funciona de forma alinhada.

Aqui, é importante ressaltar que a cultura organizacional é parte do DNA da empresa e deve estar internalizada em cada um de seus colaboradores.

Por isso, é importante contratar pessoas que têm perspectivas e estilo de vida parecido com o resto de sua equipe.

A criação de uma boa cultura organizacional

Quando se cria a cultura organizacional, imaginamos um universo perfeito. Mas para funcionar, a realidade do seu dia a dia deve ser considerada.

Pense nas atividades que serão desenvolvidas, prazos, tamanho da equipe.

Tudo o que envolve o funcionamento e a entrega de seus produtos e serviços, deve ser levado em conta.

Por exemplo: as consultas. Qual o processo delas? Desde o atendimento, até o pós-atendimento? Quem está envolvido nesse processo?

Quais os prazos, quantas pessoas estão envolvidas, o que é necessário para esse atendimento ser realizado com excelência?

Os conceitos que formam essa prática dentro de uma clínica ou consultório deverão ser colocados em prática em sua totalidade.

Por isso sua equipe deve se sentir confortável com as decisões.

Toda cultura organizacional deve ser formada por quatro instâncias muito importantes. São elas: missão, visão, valores e estratégia.

Vamos explicar o que cada uma dessas instâncias representa dentro da sua gestão médica:

1. Missão

A missão da sua clínica é o motivo da sua existência. Isso diz muito sobre o que é proposto como valor para cada um de seus clientes.

É importante manter uma missão que seja real e tenha a ver com o seu negócio em específico.

Um médico cardiologista pode ter como missão, por exemplo, fazer da vida dos cardíacos ser mais saudável.

A missão deve ser adequada a sua especialidade, e ao seu público em questão.

2. Visão

Visão é como você imagina a sua clínica no futuro.

É importante  que você, como gestor,  tenha três variáveis resolvidas: como, quando e onde.

Isso ajuda o médico a saber como imagina sua clínica no futuro e quais as metas devem ser colocadas para estes objetivos serem alcançados.

Estas metas podem ser de médio, longo e curto prazo e devem estar alinhadas com a missão e a visão da empresa, já determinados.

Isso também ajuda a estabelecer quanto tempo levará para chegar nesse objetivo e onde será alcançado esse resultado.

3. Valores

Começamos dizendo que os valores de sua empresa diz respeito ao que você não vive sem. Ou seja, é essencial na sua clínica médica.

Os valores dão valor na formação da cultura organizacional. Isso porque possui um peso muito grande e seus colaboradores irão realmente acreditar que aquilo é um valor para a empresa.

São valores podem ser: a amizade, a sinceridade, a honestidade. Quais são os elementos que não podem faltar no dia a dia da sua equipe?

4. Estratégias

Por fim, temos as estratégias. Elas são as ações práticas que precisam entrar em ação para entregar a missão, alcançar a visão e manter os valores de sua clínica médica.

A estratégia é muito importante para a cultura organizacional seja de fato algo que agregue valor de forma prática dentro da clínica.

Ter essa visão prática vai evitar que seja criada uma cultura impossível de ser praticada na sua clínica.

Pensando nas estratégias para aplicação desses conceitos, será possível chegar a uma cultura organizacional realmente eficiente.

Enfim, a estratégia é a razão que guiará nossa emoção quando estivermos criando o DNA da nossa empresa.

Como esses 4 itens viram a cultura organizacional da sua empresa?

Como já destacamos, a cultura organizacional diz respeito ao que está enraizado na sua empresa fortemente.

Para estabelecer essa cultura organizacional e garantir que os processos aconteçam de forma fluida, se atenha a compreender sua empresa.

Estabelecer quem você é como empresa e perante o mercado, através da sua missão, visão e os valores, é o pontapé inicial.

Depois de saber quem você é, chega o momento de criar uma estratégia para chegar onde você deseja. É neste momento que entra o último passo.

Siga estes 4 passos de forma atenciosa e perceba uma cultura organizacional ser construída em sua empresa, alcançando grandes resultados.

A aplicação da cultura organizacional

Depois de criada a cultura organizacional da sua empresa, ela deve ser difundida. Isso deve acontecer primeiramente entre o time, sua equipe.

Depois de explicada e compreendida internamente, é hora de difundir essa informação para seus clientes e todo o público externo.

É importante entender que a cultura organizacional deve guiar todas as atividades da empresa.

Todas a ações feitas dentro dela, e por ela, devem ser feitas tendo em mente esses quatro itens comentados anteriormente.

Desde a publicidade da sua clínica, todos os atendimentos, até a contratação de alguém para sua equipe.

Tudo que deve acontecer sempre seguindo os critérios estabelecidos nesta cultura.

Essa cultura deve ser usada como um guia por todos os seus colaboradores, e por você gestor também!

A prática vale para todo, e esta é a única forma dela funcionar positivamente dentro da sua clínica médica.  

Um software de gestão médica na cultura organizacional

A tecnologia também faz parte de sua cultura. Isso porque ela centraliza todas as atividades da clínica e facilita o cumprimento de diversas ações e processos.

Para mais agilidade nas ações, a melhor opção é escolher um software que compreenda as necessidades mais latentes da sua clínica e que ofereça soluções alinhadas a uma interface amigável de fácil manuseio.

Conheça o Doctor Max e descubra como a cultura organizacional da sua clínica pode ser otimizada tendo a tecnologia correta como aliada.

Cultura organizacional para médicos: o que é e como aplicar?


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *